Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

Historicamente

João-Afonso Machado, 05.12.19

A DOIS.JPG

Falo de uma histeria deambulante, sem pernas para chegar longe e ansiando por uma companhia que jamais chegará. Sempre à vela nos ventos descontínuos da vontade. Na realidade, uma histeria igual às outras, tão capaz de guinchar e esbracejar em plena rua, como de se esconder caladinha atrás da porta.

Mas uma histeria que não se mira ao espelho e cujo relógio é mais um pretexto para fugir, assim surja a face visivel da lua... e o seu ar circunspecto e tranquilo se esfume em vozes de insulto.

Evidentemente, uma histeria egocêntrica e interesseira. Que não quer saber de distâncias, somente do seu meio pessoal de transporte. Exigente, impositiva, amante do conforto, espumando embora frases inverosímeis de aventura.

Quer chegar lá, a histeria, mas não consegue. Fica-se pelo caminho, entre intrigas e questiúnculas. Entre birras, tantas vezes mal-agradecidamente. Tentando manter-se à tona com versões muito próprias, histórias mal contadas.

É previsivel o seu rumo, de conflito em conflito até à solidão total. Sequer com uns penachos de galinha a protegê-la dos rigores do clima. Contam-no as páginas dos cronicões e as passadas de um quotidiano turbulento, já sem morada fixa, vagueando por aí em busca de pretextos para não sair de si.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.