Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

Monumentos nacionais

João-Afonso Machado, 21.01.20

RUÍNA.JPG

Admiro os monumentos antigos, em ruína, sobretudo os mais asselvajados. Onde o vento uiva nas curvas dos telhados e das janelas destapadas e, a cada momento, outra parede se desmorona. É a tranquilizadora imagem de um passado sempre presente e enfeitado de grafitties, a agradável sensação do trânsito continuado das hordas bárbaras. O resto seria monotonia.

Ainda o outro dia eu admirava uma dessas relíquias, em torno da qual, em vez do fosso, da barbacã, há uma pista de tartan, - lá está, a vida correndo contra a morte. Abordou-me, então, um turista estrangeiro, curioso de conhecer se se levantava ali um menir gigantesco, um obelisco, qualquer símbolo grado da virilidade lusitana.

Nada percebo de Paleontologia ou de Geometria. Sabia-me apenas na Senhora da Hora, terrinha onde, no outro milénio, nascia muita gente da pesca de Matosinhos ou da lavoura maiata. Uma terrinha boa, fértil, pacata, que os ululantes povos do Progresso invadiram em vagas sucessivas e sufocantes.... De todo o modo, sempre consegui responder ao turista - Não, não, este monumento é já da Idade do Ferro.