Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

Tratado elementar do namoro

João-Afonso Machado, 01.03.19

IMG_0221.JPG

Natureza e metodologia - Assim o desejado parceiro do coração prescrutador poise nas imediações e relaxe. Um sorriso que lhe dirija, o mais tímido olhar, são já uma certeza de uma conquista bem sucedida. Mas, por vezes, a flor, dos sonhos ambicionadíssima, semicerra as pálpebras, encolhe-se, assobia para o lado. Será então necessário rodeá-la discretamente - jamais, em tais aflições, pedir logo o telemóvel - e dizer umas trivialidades, falar do tempo, subtilmente pular de galho em galho até muito perto. Mantendo sempre uma conversa mole com uma certa pitadinha de argúcia, malícia. Pipilar, aí está a arma secreta para vencer o obstáculo. Depois, como que acidentalmente, roçar as penas nas da amada. E aludir, num chilreio instantâneo, a grãozinhos de cereal ou aos bicharocos da fruta. A um jantar, enfim, à luz da vela.

Assim o Criador pensou a vida para milhões e milhões de gerações. É certo, as mais recentes gerações renegaram os sexos e, em nome do sexo, inventaram os géneros. Ignora-se ainda quantos, mas ele é aí um vaivém de provetas a substituir o insubstituível. Ainda embora, as espécies vão subsistindo, apenas a humana parece em vias de extinção.

O namoro é fulcral. Em cima das árvores, trinando logo aos primeiros alvores da Primavera. Seguir-se-à a intimidade do ninho, mas já somente na fase da procriação. No andamento puramente hedonista, os contendores bastam-se muitas vezes com o simples buraco nos muros, desde que não povoado por cobras e ratazanas. Uma variante, pois, sem muito para comentar.

O namoro nos fios de telefone (aditamento de estudo não obrigatório) - Eis uma prática antiga, já dificilmente encontrável, salvo talvez em ambientes retintamente rurais. Os fios de telefone, se não desapareceram, perderam funcionalidade. Claro, o namoro em ruínas transporta sempre consigo uma maior carga romântica; mas, em definitivo, esses cabos fininhos deixaram de obrar a intensa vibração que outrora antecipava, com tanta frequência, as recatadas delícias do ninho.