Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

À distância?

João-Afonso Machado, 22.01.15

Entre a comédia e a tragédia possivelmente  os portugueses passam adiante e nem olham para a sua equivalente Grécia. Mesmo no avizinhar da suas eleições.

O panorama é mais ou menos este: o Syriza (recorde-se - o acrónimo da Coligação da Esquerda Radical), com um score eleitoral em 2013 de 26,8%, apresenta-se como o virtual vencedor no próximo escrutínio. Sem maioria absoluta e contra o putativo segundo lugar (o Nova Democracia, do assim chamado "centro-direita"), enquanto a medalha de bronze dizem caber aos "neo-nazis" da Aurora Dourada.

E agora?

Marine Le Pen já se pronunciou, agradada com a vitória do Syriza. O retorno ao dracma está na ordem do dia. É certo, a Grécia vive sob medo e muitos não se atrevem a exprimir o seu pensamento; as ruas foram tomadas pela violência, um palco exposto de supostos anarquistas. Tudo pode acontecer.

Encurtando razões: aliança Syriza/Nova Democracia? Ou aliança extrema-esquerda/extrema-direita? Ou o quê?

À distância, a situação pode merecer as delícias dos politologos. Até de todos - a novidade é sempre uma boa fonte de aprendizagem, assim produza frutos. Mas a distância deve ser encurtada pela própria realidade portuguesa. Principalmente pensando que a Espanha distancia muito pouco, o lugar imaginário de uma fronteira.