Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

Repentes de olhar demorado

João-Afonso Machado, 11.01.15

062.JPG

As horas do inverno cumprem intransigentemente o ritual. Todos os dias, os minutos todos, sentadas frente ao mar, o areal inteiro por sua conta. Algures onde as suas irmãs estivais descobrem a praia e preguiçam teimosias sobre a imobilidade das águas.

Como se a espuma das ondas não tivesse voz e timbre cavo, nem os rochedos dançassem! No mundo infindo que é o mar e a sua música encaracolando notas, desfazendo pautas em tinta branca escorrendo dos tinteiros a espirrar os segundos das horas passadas de azul.

Assim não há dois momentos que se igualem, uma só imagem repetida entre as horas do inverno. Ou interrupções, ou vizinhos, ou regras, nada além do silêncio onde cantam as ondas e desafiam as pedras.

E os olhares se enchem tranquilos e murmuram deslizantes pelas semanas seguintes.