Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

MACHADO, JA

A minha escrita, a minha fotografia, o meu mundo

De regresso às coisas tristes

João-Afonso Machado, 10.01.14

Ocupações «simbólicas» de espaços ministeriais; ameaças de novas insubordinações da forças de segurança; Luis Filipe Vieira e Pinto da Costa (ah!, a idade não perdoa mesmo!) ultrapassados em verborreia, a altíssima velocidade, por Arménio Carlos; os estaleiros de Viana, o Orçamento...; Paulo Portas, putativo candidato presidencial (valha-nos Deus!); uns quantos homicídios e desastres mortais, outros tantos escândalos políticos... Assim tem ido a vida pelo País. Somente com a novidade de que, afinal, existe um Panteão Nacional e a decorrente apaixonada discussão de agora - mas quem lhe poderá, e deverá, aceder?

A propósito, serão de não esquecer os únicos dois factos de relevância nacional: a inesperada morte de Eusébio, que o Senhor tenha; acontecimento marcante, triste, marca de sofrimento de todos. E o Mundial de futebol, daqui a uns meses - com tudo quanto há de inesperado e o desejo firme de um bom desfecho, para contrabalançar (e, até, homenagear o mais famoso jogador luso de sempre).

No mais, prosseguem as greves e as privações dos portugueses. É isto a nossa existência.